1 - Capacitação para o controle social da área de saúde

O objetivo do desenvolvimento desta estratégia é a capacitação de um Articulador da Pastoral da Criança no Conselho de Saúde, em cada um dos mais de 4.000 municípios onde a Pastoral da Criança está organizada no país.

O Articulador é responsável pelo preenchimento e envio mensal da Folha de Acompanhamento do Conselho de Saúde, FAC - Saúde;

Nos municípios onde a Pastoral da Criança tem conselheiro municipal de saúde, o Articulador normalmente é o próprio conselheiro  da Pastoral da Criança no Conselho de Saúde.

Considerando que a FAC - Saúde tem como um dos seus indicadores a Mortalidade Infantil do município, inicialmente estão sendo capacitados Articuladores nos municípios com menos de 150 mil habitantes, onde a média de Mortalidade Infantil pode variar de 1 a 3 mortes de criança cada mês.

O programa conta com capacitadores em cada estado do país. Os Articuladores dos municípios são capacitados por meio de oficinas de 16 horas

Acesse outras informações.


2Participação mensal nas reuniões ordinárias do Conselho Nacional de Saúde - CNS,  titular da CNBB no CNS

3 - Desenvolvimento, atualização e manutenção da base de dados na Internet, especialmente das estatísticas por município e novidades sobre o controle social.

4 -  Formulação de resposta com pesquisa e fornecimento de informação às perguntas que enviadas via e-mail, carta e fax;

5 -  Publicação dos boletins "REBIDIA", destinado aos conselheiros, com tiragem de 32.000 exemplares em cada edição e enviados para todas as coordenações de ramo e de setor do país.

6 -  Articulação com o CONANDA - Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente, para construção de uma política que garanta os direitos da população Infanto-Juvenil do país.

7 - Articulação com o Conselho Nacional da Assistência Social

8 - Convocação aos candidatos durante as eleições.  A Pastoral da Criança, em conjunto com a REBIDIA, aproveitam as eleições  para convocar  os candidatos. O objetivo da convocação é garantir propostas de campanha comprometidas com a luta contra a corrupção e com a construção de condições para a melhoria da qualidade de vida da população, especialmente de mulheres e crianças.

Orientações CNBB

Tribunal Superior Eleitoral

Lei 9.840


 
 
 
 
 

Visitantes

Temos 150 visitantes e Nenhum membro online